2020, um ano atípico, marcado por muita ansiedade. Quando iniciou a pandemia, vi meus planos irem água abaixo e um sentimento de desesperança tentando se instalar em mim.
 
 
Mas aos poucos foi surgindo uma corrente do bem e movimentos de solidariedade em tantos lugares: cursos que eram caros foram disponibilizados gratuitamente para ajudar, profissionais admiráveis compartilhando conhecimento e ajuda, pessoas indicando profissionais que haviam sido demitidos e foi nessa corrente do bem que eu mergulhei em um mar de novas possibilidades! Encontrei tanto apoio e oportunidades!
 
E ainda estudando muito, sem me sentir completamente preparada, decidi colocar no meu Linkedin: Open to Work… Para minha surpresa surge uma possibilidade de fazer parte da área de Dados na Lamda3! Bora fazer um projeto, entrevista com o Time e eu só pensava: Não tenho experiencia suficiente, não se empolga Fabíola… quanto medo!
 
No dia do meu aniversário, em agosto, recebo o convite para entrevista com a Patrícia Kost, eu não poderia ter tido presente melhor!!! Ainda com medo, insegurança, querendo mostrar somente o meu melhor lado (o que é normal nesta situação), fui surpreendida! Na Lambda sou vista como uma pessoa e não como um currículo. Confesso que eu não acreditava mais nesse nível de respeito, realmente é uma empresa que contrata e se importa com pessoas.
 
Fazer parte da Lambda3 é aprender todo dia, não somente nas áreas técnicas, mas com a história e experiência de cada Lambda, aqui somos um verdadeiro time de pessoas, tenho muito orgulho de fazer parte desse time.
 

Deseja fazer parte do time da Lambda?