Se meu PC está ligado ele está fazendo alguma coisa. Ele nunca fica parado. Se não tenho nada para ele fazer eu coloco ele para scannear vírus, desfragmentar (o Vista faz esse sozinho), sei lá. Senão ponho ele para dormir (esse negócio de hybrid-sleep do Vista também é bem legal, com um toque no teclado o PC está de volta em 3 segundos, e enquanto isso ele está praticamente desligado).

Então hoje eu abusei da minha pobre máquina, e fiquei tão impressionado que vou contar para vocês. A máquina estava, ao mesmo tempo:

  1. Com dois monitores ligados, em full HD, ou seja, a resolução total estava em 3840X1200 (um era meu monitor normal, de 28", e o outro minha TV LCD de 46");
  2. Passando um filme em um dos monitores;
  3. Com uns 6 ou 7 programas abertos (eu sempre tenho pelo menos 6 programas abertos, agora mesmo tenho 7);
  4. Com uma máquina virtual com Windows Vista com 1 GB de RAM aberta, com VPN ligada e Visual Studio aberto;
  5. Com um download manager fazendo download de uns 2 GBs divididos em uns 5 arquivos, cada download sendo feito em 7 threads separadas para ganhar velocidade;

Tudo devidamente monitorado pelo meu Process Explorer, claro.

Aí me lembrei que podia usar aquele tempo "ocioso" da máquina para alguma coisa… Abri o Nero e queimei um DVD que estava pendente enquanto via o filme. E o DVD ficou perfeito.

Há uns 5 anos atrás isso era impossível, hoje é normal. A máquina não deu nenhum sinal de pau. O DVD ter ficado perfeito foi o que me chocou; eu tinha certeza que ia dar algum problema de buffer, eu queimei o DVD a 16x…

Update: Atendo a pedidos, a configuração da máquina é um Core 2 Duo de 2.13 GHZs, rodando a 2.8 com overclock, 3 GB de RAM, 32 bits, Vista Ultimate, índice do Vista de 5,5 (processador: 5.6, memória: 5.9, gráfico: 5.9, gaming: 5.5, HD: 5.6), Nero 7, HD de sistema de 300 GB, e mais dois discos de dados, um de 120GB e outro de 500GB, todos em Sata 2, placa gráfica ATI Radeon HD 2600 XT(256MB de memória) a 400 MHZ, e os 2 monitores (28" e 46").