Hoje tivemos uma manhã diferenciada na Lambda3. Recebemos 30 estudantes do curso de Serviços Administrativos do SENAC para um bate papo sobre como funciona a Lambda3 e o que eles poderão encontrar na área de TI, se escolherem esse caminho.

Para esse evento, contamos com os Lambdas Emmanuel Brandão, Leandro Leite e Patrícia Kost. Dessa forma, direcionamos o bate papo para que os adolescentes tivessem contato com a realidade de uma consultoria. Foi um papo bastante animado e com muitas informações novas para eles, já que a Lambda3 trabalha de uma forma diferenciada e isso foi algo que chamou muita atenção.

Falamos sobre a democracia organizacional e como os trabalhos em equipe que realizávamos no ensino fundamental ajudam na vida adulta quando aplicamos com responsabilidade e cuidado.

Apresentamos a visão da Lambda3 sobre diversidade e o nosso cuidado real com as pessoas. Conseguimos observar o brilho nos olhos dos adolescentes, porque é algo que eles acreditam e muitos não possuem ainda “pré conceitos” já estabelecidos sobre o que é permitido ou não no ambiente corporativo. Com isso, eles conseguiram ver a nossa preocupação de trazer pessoas de verdade para a empresa, sem criar bloqueios e tornando a Lambda3 um lugar seguro e verdadeiro, para as pessoas se desenvolverem profissionalmente e não deixando de ser o que elas são realmente.

Explicamos o que é programação, consultoria, os desafios do mercado e como isso pode ser aplicado no dia a dia. Assim, ficou mais claro e fácil para que todos pudessem visualizar a aplicabilidade da tecnologia e o que a Lambda3 tem de diferencial: qualidade na soluções com pessoas interessadas continuamente em aprender, aplicar seus conhecimentos e dividir essas informações.

Apontamos dicas de como começar o caminho da área de TI com eventos, participação em comunidades, leituras de blogs, informações dos podcasts e principalmente o cuidado contínuo com a carreira: jamais parar de estudar e ser muito curioso!

Foi uma experiência incrível e esperamos que as pessoas tenham aproveitado essa experiência como a gente aproveitou. E quem sabe os futuros Lambdas não surgirão de eventos como o que aconteceu… Vamos aguardar!